2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Informações e discussões sobre espécies Capsicumsilvestres

Information and discussions about wild Capsicum species.

2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Max o Obelix em 05 Nov 2015, 10:10

do Diário do Marcel Ribeiro:
Andre escreveu:
MarcelRibeiro escreveu:
Andre escreveu:Exatamente, é muita variedade, mas estou dando prioridade apenas para as mais conhecidas, eu recebi uma proposta em setembro de um gringo moderador a base de trocas, o cara me enviava sementes de uma rara mas eu teria que enviar outra rara pra ele, simplesmente ele quer as baniwa pqp...kkkkkkkk e eu pensando que só nós brasileiros tinham conhecimento do quanto é raro essas sementes.

Abrçs


Ledo engano. Os gringos sempre querem as brasileiras em especial as nativas silvestres. Isso lá fora vale mais que ouro e diamantes.

Sinceramente elas não me encantam mas é uma ótima moeda de troca. Baniwas não vai ser nada fácil de você conseguir kkkkkkkkk acho melhor querer comprar as sementes do cara kkkkkkk

Abraços


Marcel ate uns tempos atraz eu estava procurava por sementes da baniwa*, mas desisti, hoje se me oferecerem não quero nem de graça, desisti não por ser dificil de encontrar mas desisti por ter entendido a importância do projeto social. A importância dessa pimenta é a alma para essa população indígena local que tem sua renda exclusivamente em cima dessa variedade. Junto a esse projeto corre uma outro paralelo de preservação ambiental muito importante pra região. Um dos representantes dessa pimenta no Estado de SP me informou todo o procedimento de como é feito o cultivo, a colheita, a produção, os cuidados necessários e tudo mais.

Acredito que, se existir alguém ainda a procura dessa variedade, que se informe antes da enorme importância dessa pimenta e do grande desastre ecônomico e social caso um dia essa variedade fuja do controle daqueles nativos locais.

Aproveitando a oportunidade, gostaria ate de sugerir ao Max e demais moderadores, proibir totalmente qualquer assunto relacionado a venda/troca/doação dessa variedade no forum a fim de nós contribuirmos com esse projeto social.

;)
Diário do Max .'. o Obelix
Max Obelix's Peppers - Index
Índice das conservas e molhos do Max Obelix
"No meu temperamento tem um pouco de pimenta: não é todo mundo que gosta, nem todo mundo que aguenta" Clarice Lispector
Avatar de usuário
Max o Obelix
Usuário Buth Jolokia
 
Mensagens: 4954
Data de registro: 19 Mai 2014, 08:40
Localização: Salvador, Bahia

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Max o Obelix em 05 Nov 2015, 10:11

Do diário de Marcel Ribeiro:

Andre escreveu: Aproveitando a oportunidade, gostaria ate de sugerir ao Max e demais moderadores, proibir totalmente qualquer assunto relacionado a venda/troca/doação dessa variedade no forum a fim de nós contribuirmos com esse projeto social. ;)

Nesse caso, André, precisamos que você nos envie subsídios mais concretos a esse respeito, tais como links sobre publicações fidedignas sobre esse assunto; publicações acerca desse aludido projeto; normas, se existirem, especificamente sobre a proteção das pimentas baniwa e/ou do projeto de proteção ambiental que, segundo você, "corre em paralelo". Somente à luz de tal conhecimento explícito poderemos analisar a sua proposta de proibição.
Abraços,
Max .'. o Obelix
Diário do Max .'. o Obelix
Max Obelix's Peppers - Index
Índice das conservas e molhos do Max Obelix
"No meu temperamento tem um pouco de pimenta: não é todo mundo que gosta, nem todo mundo que aguenta" Clarice Lispector
Avatar de usuário
Max o Obelix
Usuário Buth Jolokia
 
Mensagens: 4954
Data de registro: 19 Mai 2014, 08:40
Localização: Salvador, Bahia

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Max o Obelix em 05 Nov 2015, 10:14

Do Diário de Marcel Ribeiro:

Andre escreveu:
Max o Obelix escreveu:
Andre escreveu: Aproveitando a oportunidade, gostaria ate de sugerir ao Max e demais moderadores, proibir totalmente qualquer assunto relacionado a venda/troca/doação dessa variedade no forum a fim de nós contribuirmos com esse projeto social. ;)

Nesse caso, André, precisamos que você nos envie subsídios mais concretos a esse respeito, tais como links sobre publicações fidedignas sobre esse assunto; publicações acerca desse aludido projeto; normas, se existirem, especificamente sobre a proteção das pimentas baniwa e/ou do projeto de proteção ambiental que, segundo você, "corre em paralelo". Somente à luz de tal conhecimento explícito poderemos analisar a sua proposta de proibição.
Abraços,
Max .'. o Obelix


Vou pedir para um dos representantes deles entrarem em contato com vc Max, eles tem todos os documentos e tudo mais. O projeto social deles é uma coisa extraordinária.

;)
Diário do Max .'. o Obelix
Max Obelix's Peppers - Index
Índice das conservas e molhos do Max Obelix
"No meu temperamento tem um pouco de pimenta: não é todo mundo que gosta, nem todo mundo que aguenta" Clarice Lispector
Avatar de usuário
Max o Obelix
Usuário Buth Jolokia
 
Mensagens: 4954
Data de registro: 19 Mai 2014, 08:40
Localização: Salvador, Bahia

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Max o Obelix em 05 Nov 2015, 10:15

Do Diário de Marcel Ribeiro:

Leandro Ferraz escreveu:Meu ponto de vista
não é o forum que tem que proibir sim eles proprios ...
se eles nao distribuirem não sairam de la as sementes...
Diário do Max .'. o Obelix
Max Obelix's Peppers - Index
Índice das conservas e molhos do Max Obelix
"No meu temperamento tem um pouco de pimenta: não é todo mundo que gosta, nem todo mundo que aguenta" Clarice Lispector
Avatar de usuário
Max o Obelix
Usuário Buth Jolokia
 
Mensagens: 4954
Data de registro: 19 Mai 2014, 08:40
Localização: Salvador, Bahia

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Max o Obelix em 05 Nov 2015, 10:15

Do Diário de Marcel Ribeiro:
André Fiamengui escreveu:Também concordo com o André Confortini, os indígenas possuem mais de 150 espécies de pimentas catalogadas e a Baniwa é a principal entre elas, fonte do sustento daquele tribo.
Seria de uma irresponsabilidade tremenda enviar sementes para o exterior, e ver se dissipar uma raridade como está.

Pessoalmente eu concordo com essas suas manifestações emotivas plenas das melhores intenções.

A propósito, existem normas oficiais brasileiras que praticamente proíbem a exportação de sementes de espécies botânicas silvestre - dentre elas as pimentas silvestres -, somente permitindo quando cumpridas duras regras e "rituais", e com o íntimo envolvimento de Órgãos públicos da competência.

Infelizmente,como quase tudo aqui no Brasil, existem as leis e as normas, mas falta a adequada regulamentação e controle e, por isso não são suficientemente e adequadamente aplicadas. Isso resulta em alguns efeitos indesejados, tais como:
  • não existe um mapeamento geográfico minimamente suficiente das espécies de pimentas silvestres nativas brasileiras;
  • também em decorrência do item anterior, mas não somente por isso e sim por falta de programas realmente aplicáveis, não existe um esforço minimamente realista para a preservação daquelas espécies;
  • por tudo isso é público e notório que algumas - talvez várias -, das espécies conhecidas já foram extintas ou estão em avançado processo de extinção.
  • existe alguma exceção quanto a algumas espécies que são cultivas em hortos de algumas universidades ou órgãos públicos culturais brasileiros, inexpressivamente, quando comparado esse esforço com o gigantismo da muito provável quantidade de espécies e do grau de importância desse assunto;
  • neste País de dimensões continentais as distâncias são enormes; as florestas ainda são imensas; assim como os sertões; os agrestes; os serrados; as chapadas; as caatingas; etc.; e isso dificulta enormemente as tentativas de mapeamento geográfico e de programas viáveis de preservação; assim como do controle da aplicação das normas vigentes;
  • etc. (*)
( (*) = Esse assunto é muito extenso e complexo, poderia ser enormemente estendido e só não o faço principalmente por falta de tempo neste momento e secundariamente porque até seria offtopic aqui no Diário do Marcel. Inclusive eu oportunamente vou abrir um novo tópico e repetir tudo isso aqui lá no espaço ontopic.)

Também é público e notório que de, uma forma ou de outra, sementes de várias espécies de pimentas silvestres chegaram ao exterior e são cultivadas também por colecionadores em vários países do mundo. Relativamente a essas espécies - e não são poucas! -, acontece o absurdo de ser mais fácil conseguir-se sementes dessas espécies no exterior do que mesmo aqui no Brasil. Mais absurdo ainda é que alguns especialistas aqui do Brasil já comentam que algumas dessas espécies já estão praticamente extintas aqui no Brasil e felizmente não foram extintas porque existem delas em poder dos colecionadores estrangeiros (desde já ressalvo que ninguém aqui se arvore de pensar que estou defendendo isto!).

Alguns membros deste Fórum, eu e mais alguns especialistas neste assunto, estamos lançando um embrião de um projeto de longo prazo e grande espectro de atuação, personalizado numa ONG que pretendemos fundar, com o envolvimento de Orgão Públicos pertinentes e várias Universidades, para colaborarmos nesses vetores de mapeamento, preservação e controle das espécies de pimentas silvestres brasileiras. Essa ONG deverá ser embrionada aqui no Pimentas.Org.

Assim, essas informações que Luis André Confortini e qualquer um outro nos envie ou nos faça enviar sobre as pimentas "Baniwa" ou qualquer uma outra, por MP ou no tópico específico que urgentemente será criado sobre este assunto, serão muito úteis e bem recebidas.
.
Diário do Max .'. o Obelix
Max Obelix's Peppers - Index
Índice das conservas e molhos do Max Obelix
"No meu temperamento tem um pouco de pimenta: não é todo mundo que gosta, nem todo mundo que aguenta" Clarice Lispector
Avatar de usuário
Max o Obelix
Usuário Buth Jolokia
 
Mensagens: 4954
Data de registro: 19 Mai 2014, 08:40
Localização: Salvador, Bahia

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Andre em 05 Nov 2015, 10:30

Vou complementar esse tópico com algumas infos preliminares necessárias sobre essa variedade de pimenta e todo projeto social abrangente.
Exite muitas informações a respeito nos links abaixo.

Vou aproveitar a oportunidade e convidar os representantes desse extraordinário projeto a participar no tópico a fim de que possamos ter todas as informações úteis e necessárias. Como já disse nosso amigo Max, é de interesse público e geral.

Sites

http://www.artebaniwa.org.br/pimenta-baniwa/

http://www.socioambiental.org/pt-br/tags/pimenta-baniwa

Facebook:

https://pt-br.facebook.com/PimentaBaniwa/


;)
Editado pela última vez por Andre em 05 Nov 2015, 10:57, num total de 1 vezes
Avatar de usuário
Andre
Usuário Rocotó
 
Mensagens: 268
Data de registro: 26 Nov 2014, 15:43
Localização: Lucélia - SP

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor André Fiamengui em 05 Nov 2015, 10:56

Aprender, crescer e espalhar conhecimentos.
Meu diário viewtopic.php?f=7&t=19420
Avatar de usuário
André Fiamengui
Usuário Rocotó
 
Mensagens: 354
Data de registro: 28 Mai 2015, 08:44
Localização: Jaú / SP

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Max o Obelix em 05 Nov 2015, 11:05

Do Diário de Marcel Ribeiro:
MarcelRibeiro escreveu:Infelizmente como tudo no mundo tem um preço.
Já li algumas coisas sobre essas pimentas e pelo que entendi Baniwas são uma série de variedades cultivadas pelos índios e com tudo o que se agrega a sua cultura.

Não acho que proibir isso seja tarefa do fórum e sim da própria consciência de cada um em não se envolver com esse assunto.

Em se levando ao pé da letra e dentro da lei todos são infratores visto que as sementes que são importadas não poderiam estar aqui.

É tudo uma questão de ponto de vista e na minha visão se fosse proibir o fórum só poderia ter as sementes comerciais.

Isso é o meu ponto de vista, concordem ou não. ;)

Abraços
Diário do Max .'. o Obelix
Max Obelix's Peppers - Index
Índice das conservas e molhos do Max Obelix
"No meu temperamento tem um pouco de pimenta: não é todo mundo que gosta, nem todo mundo que aguenta" Clarice Lispector
Avatar de usuário
Max o Obelix
Usuário Buth Jolokia
 
Mensagens: 4954
Data de registro: 19 Mai 2014, 08:40
Localização: Salvador, Bahia

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Andre em 12 Nov 2015, 13:18

Boa Tarde Pessoal,

Recebi um e-mail vou complementar com o e-mail recebido.
Desde já agradeço a toda equipe da pimenta Baniwa.
..........................................................................

Boa tarde Luis,

Agradeço pelo contato e também pela abertura do tópico específico sobre o projeto Pimenta Baniwa neste Fórum. O email pimentabaniwa@gmail.com está a disposição para questionamentos adicionais que poderão ser respondidos, a depender da questão, pelas lideranças baniwa, gerentes de produção, produtoras ou técnicos do ISA e demais parceiros que apoiam a iniciativa.

Acesse a nossa página no Facebook, lá estão as principais informações sobre o projeto:

https://www.facebook.com/PimentaBaniwa/?ref=bookmarks

Att,

Equipe Pimenta Baniwa


Assessoria Alternativas Econômicas
Instituto Socioambiental
OIBI - Organização Indígena da Bacia do Içana
Arte Baniwa - Pimenta Baniwa - Rio Negro - AM
+55 97 3471 1156 / +55 92 3631 1244 / +55 11 3515 8900
Avatar de usuário
Andre
Usuário Rocotó
 
Mensagens: 268
Data de registro: 26 Nov 2014, 15:43
Localização: Lucélia - SP

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Max o Obelix em 17 Nov 2015, 06:05

.
Globo Rural - Publicado em 17 de out de 2013
"Índios são mestres no cultivo de dezenas de variedades de pimenta. Os 'baniwas' residem no norte da Amazônia. As pimentas são, em sua maioria, nativas da Amazônia, como a jiquitaia, uma iguaria difícil de ser encontrada e vendida apenas em algumas casas de SP."



Max .'. o Obelix
Diário do Max .'. o Obelix
Max Obelix's Peppers - Index
Índice das conservas e molhos do Max Obelix
"No meu temperamento tem um pouco de pimenta: não é todo mundo que gosta, nem todo mundo que aguenta" Clarice Lispector
Avatar de usuário
Max o Obelix
Usuário Buth Jolokia
 
Mensagens: 4954
Data de registro: 19 Mai 2014, 08:40
Localização: Salvador, Bahia

Re: 2015 - Sobre pimentas silvestres brasileiras

Mensagempor Jefferson F Santos em 12 Mar 2016, 20:49

Show, as informações são ótimas e o assunto é mais complexo do que se pensa.
Referente as pimentas dos Baniwa - cabe a eles a prevenção de seus produtos não é só a pimenta em si, são os temperos com a arte indígena, isso é como uma comida com um tempero especial muitos podem ter o tempero mas não a arte do preparo. Tive sementes dos Baniwa mas sinceramente não consegui germinar nenhuma e tinha conseguido umas 20 sementes. Como no vídeo da globo são varias variedades não é só uma.
Tenho dois exemplos:
1 - da pimenta Uberabinha logo que foi lançada entre em contato com eles e pedi sementes, fui informado que eles tinha patente e que ele não poderia ser reproduzida por outra pessoa durante 20 anos.
2 - uma pimenta em pó dos índios de São Gabriel - AM vendem só o produto mas não contam nem a pau a receita daquele produto. O Alysson pode confirmar isso até porque foi uma conversa que tivemos.?
Com relação a variedades realmente silvestres:
Acho a propagação para pessoas certas interessante desde que em primeiro lugar só brasileiros tenhamos acesso a exemplares matrizes e poder ter um cultivo controlado.
Muitos são contra essa ideia, porem muitos gringos vem ao Brasil levam esses exemplares e isso com a benção da policia e de órgãos de preservação e tudo mais.
Muitas variedades raras estão em locais onde estradas estão sendo feitas, onde a maldição da urbanização descontrolada esta ai se não se distribui você acaba permitindo a extinção dessas raridades. Isso é uma faca de dois gumes.
Existe um projeto sobre as Chiltepin Sonoras Capsicum Annum - Var. Glabriusculum existentes entre México e EUA que eles preservam e uma dessas formas de preservação e manter as matrizes e tem até uma distribuição de sementes, mas uma coisa mais controlada, hoje muito tem essas sementes mas não é tão fácil te-las, isso faz com que acabo o desejo descontrolado sobre elas e as matrizes possam viver em paz.
Digo isso por experiencia própria!!!
Avatar de usuário
Jefferson F Santos
Usuário Fatalii
 
Mensagens: 1080
Data de registro: 24 Fev 2012, 00:24
Localização: Curitiba-Pr/ABC-SP


Retornar para Pimentas silvestres -- Wild chiles

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Nenhum usuário registrado online e 1 visitante